top of page

Palmeiras de Regente Feijó. Palmeiras do Córrego Azul... Palmeiras do "seu" Mauro Berni.



CLIQUE NA IMAGEM | e confira informações deste que foi um dos melhores times da região de Presidente Prudente.

Mauro Berni, primeiro nome a ser lembrado, quando o assunto é Palmeiras de Regente.

O amor pelo time do coração, fez o senhor Mauro Berni, fundar em 03 de maio de 1950, o seu próprio time para torcer e tomar de conta. Nascia assim a Sociedade Esportiva Palmeiras de Regente Feijó, uma equipe que se tornou referência de competitividade na região de Presidente Prudente.

A família

O senhor Mauro Berni foi casado com a senhora Luzia, tiveram sete filhos, são eles: Mauricício, Maria (Chuncha), Maura, Mauro, Marcos (Tito) e os gêmeos Marcio e Marcia.

 

A p r e s e n t a m o s

"Meu avô amado Mauro Berni Pressa... Palmeirense roxo. Me lembro como se fosse hoje, naquela época se jogava pela camisa... Pelo time... Sempre via todos os jogadores na casa dos meus avós se reunindo antes dos jogos!. Este time era a vida do meu avô. Eternamente Palmeirinhas de Regente Feijó".

KMiller Berni

"Nunca me esqueço quando o time do Sr. Mauro ganhava na fazenda a alegria dele... Isso também tinha 2 craques o Zézinho e Landinho meus irmãos rsss, lembro muito bem ... de vários jogadores muito bons".

Ilda Garcia

Depoimentos nas redes sociais.

 

Bom dia !

Boa tarde !

ou Boa noite !

Enfim, chegou o tão esperado momento de falarmos da rica e apaixonante história do Palmeirinha de Regente. Esse nosso relato é um desejo pessoal, que há muito tempo tinhamos a vontade de ver registrado nesse nosso mundo virtual da internet.

Pois bem... Estamos aqui...

Contando um pouco da bonita trajetória desse time de cores verde e branco. Desse time de tanta gente apaixonada

por esse time. Desse time, temido, admirado, falado e respeitado. Modelo de um time vencedor, de uma época onde futebol amador regional era altamente competitivo. A receita alviverde, para tamanha qualidade de competitividade, era de dominio do Senhor Mauro Berni, que fez do Palmeirinha o seu exemplo de amor e respeito ao esporte. Na condição de desportista que sou, venho agracecer todas as pessoas que de uma forma ou outra vestiram a camisa do Palmeiras de Regente Feijó. Obrigado.

 

Oficialmente reconhecido como Sociedade Esportiva Palmeiras de Regente Feijó, tendo o seu registro no Cadastro Geral de Contribuintes. O CGC que era um cadastro obrigatório criado pelo Ministério da Fazenda (CGC/MF) em 1964, para identificar todas as pessoas jurídicas de direito privado funcionando no País. Em julho de 1999, o CGC foi substituído pelo CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica). Mudou a sigla, mas o número permaneceu o mesmo. Todos esses detalhes servem para mostrar o quanto era organizado o alviverde regentense, algo muito alem do seu tempo, na época. O Bairro Córrego Azul era o local da sua casa, o endereço para correspondência, a Rua Júlio Mesquita, 298 - Fone: 42-1531 - CEP 19570 - Regente Feijó-SP (conforme mostra abaixo, o impresso oficial do time).

Clique e confira:

"O velho e famoso Córrego Azul, que foi tão povoado e abençoado, hoje só lembranças, matou a sede, alimentou com seus peixes, foi nosso ponto de recreio para nadar todas as tardes. Hoje em seu leito, praticamente solitário, só saudades..."

Mauro Ojeda Berni

21 de julho de 2016

 

Sociedade Esportiva Palmeiras

Uma das primeiras formações do alviverde de Regente Feijó

Ajude escalar

 

Uma formação que jogava o fino da bola

Em pé: Ivan, Alexandre, Antonio Cirilo, Nelson, Borracha e Butija. Agachados: Américo, Déia, Carlos Pires, Oscarzinho e Pelica. Mascotes: Mauro Ojeda Berni e Néco.

 

Destaque na imprensa local e regional

Em pé: Mingo, Bomíco, Louro, Butija, Wilson, Bita e Beduíno.

Agachados: (mascote ???) Cidinho, Paulinho, Pedro, Lauro e Maurício.

 

Faixa de campeão, uma constante na vida palmeirense

Sociedade Esportiva Palmeiras de Regente Feijó - Dia 25 de agosto de 1968.

Ajude escalar.

 

Personagens que jamais serão esquecidos

Jogadores, técnicos, massagistas, diretores, torcedores e coloboradores que vestiram e honraram a camisa do Palmeirinha. Sintam-se homenageados.

Galeria de imagens:

 

Personagens que jamais serão esquecidos

Senhor Mauro Berni Pressa

Um cidadão ilustre, com uma vida dedicada ao bem comum.

Galeria de imagens:

 

Personagens que jamais serão esquecidos

Dr. Mario Marcondes dos Reis

Um cidadão ilustre, com uma vida dedicada ao bem comum.

Galeria de imagens:

Dr. Mario Marcondes dos Reis

Eu, solenemente, juro consagrar minha vida a serviço da Humanidade. Darei como reconhecimento a meus mestres, meu respeito e minha gratidão. Praticarei a minha profissão com consciência e dignidade. A saúde dos meus pacientes será a minha primeira preocupação. Respeitarei os segredos a mim confiados. Manterei, a todo custo, no máximo possível, a honra e a tradição da profissão médica. Meus colegas serão meus irmãos. Não permitirei que concepções religiosas, nacionais, raciais, partidárias ou sociais intervenham entre meu dever e meus pacientes. Manterei o mais alto respeito pela vida humana, desde sua concepção. Mesmo sob ameaça, não usarei meu conhecimento médico em princípios contrários às leis da natureza. Faço estas promessas, solene e livremente, pela minha própria honra."

Galeria de imagens:

 

Paulista por mercê de DEUS Regente Feijó-SP

"Cidade do Poeta e Pérola da Alta Sorocabana"

Fundação: 28 de junho de 1922 (95 anos)

A história do município paulista de Regente Feijó está intimamente ligada à Estrada de Ferro Sorocabana, que inaugurou sua estação em Memória (nome primitivo do lugar, em alusão ao ribeirão Memória) em 1919, e possui como principais fundadores: Capitão Francisco Witaker, Augusto Vieira, Antônio Vieira e Joaquim Lúcio Fortunato.