July 15, 2018

Please reload

Posts Recentes

Divisão Intermediária de 1978

April 27, 2020

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Parte 3 - As regras do futebol, confira as mudanças

September 1, 2017

Galvão Bueno - (Foto Globo).

 

 

REGRA 14 – O TIRO PENAL

Declaração clara de quando um tiro penal (TP) termina/se completa.

 

Algumas infrações sempre serão punidas com um Tiro Livre Indireto (TLI), independentemente de o TP resultar ou não em gol:

 

- TLI se jogador não identificado cobrar o pênalti deliberadamente (cartão amarelo ao jogador que chutou);

 

- TLI se a bola for chutada para trás;

 

- Se ocorrer finta “ilegal” será sempre TLI (CA para jogador que cobrou o pênalti);

 

- Se o goleiro infringir a regra e o TP for perdido, o TP será repetido e o goleiro receberá CA. 

 

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: – Se o jogador fizer uma finta, não é o que chamamos paradinha, porque criamos nome diferente. Pode ocorrer a paradinha se não houver finta. O que não pode é, depois que o jogador botar seu pé de apoio para bater o penal, se ele fizer ameaça, e em seguida bater na bola, já é tiro livre indireto contra sua equipe, quer a bola entre, quer a bola não entre, e cartão amarelo contra o jogador.

 

(no vídeo abaixo, Neymar, pelo Santos, contra o São Paulo, faz a chamada "finta" em pênalti: coloca o pé de apoio, faz a paradinha, e cobra a penalidade. Na ocasião, foi validado o gol, em jogo válido pelo Paulistão 2010. Na regra atual, seria dado tiro livre indireto contra o Santos, e o atacante levaria o cartão amarelo).

 

REGRA 15 – O ARREMESSO LATERAL

A nova redação esclarece que a bola deve ser arremessada com ambas as mãos.

  

REGRA 16 – O TIRO DE META

Se a bola entrar diretamente no gol da equipe que cobrou o tiro de meta, será marcado um tiro de canto contra essa equipe.

 

Um adversário que estiver dentro da área de penal no momento da cobrança de um tiro de meta não poderá jogar a bola antes de haver um toque em outro jogador.

 

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: – Isso já tinha, mas só ficou mais claro. Qual era a filosofia? Quando você é beneficiado com o reinício de jogo, você não pode sofrer prejuízo. 

 

REGRA 17 – O TIRO DE CANTO

Se a bola, após um tiro de canto, entrar diretamente no gol do próprio jogador que a chutou, será marcado um tiro de canto a favor da equipe adversária.

 

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: – Esse tipo de ajuste é necessário porque o mundo é muito grande e a diversidade intelectual maior ainda, quanto mais claro deixar, melhor.

 

(Fontes: Globo Esporte - CBF - Youtube - jornalista Daniel Mundim) web/OA

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga