July 15, 2018

Please reload

Posts Recentes

Divisão Intermediária de 1978

April 27, 2020

1/10
Please reload

Posts Em Destaque

Parte 2 - As regras do futebol, confira as mudanças

August 31, 2017

Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA 

 

 

REGRA 5 – O ÁRBITRO

O árbitro não poderá mudar uma decisão quando o jogo já tiver sido reiniciado ou quando já tiver deixado o campo de jogo após o término da primeira etapa.

 

Se ocorrerem mais de uma infração ao mesmo tempo, a mais grave será a punida.

 

O árbitro pode expulsar um jogador a partir do momento em que entra em campo para a inspeção pré-jogo do campo.

 

(um caso famoso na qual a regra acima poderia ser empregada ocorreu em 2005. Em jogo entre Arsenal e Mancester United, Roy Keane e Patrick Viera discutiram no túnel de acesso ao gramado de Highbury)

 

O árbitro só poderá usar cartão vermelho ou cartão amarelo após entrar no campo de jogo para o início da partida.

 

O jogador lesionado após receber uma falta punida com cartão vermelho ou amarelo pode ser rapidamente avaliado/tratado no campo e não precisa sair do campo.

 

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: – Aqui há outra sugestão nossa. Antes, se ocorressem duas infrações simultaneamente, independentemente da natureza da falta, era bola ao solo. Agora vamos valorizar a falta mais grave. Se houver uma falta para cartão amarelo, e na sequência uma para vermelho, a mais grave será marcada, e assim em qualquer situação.

 

REGRA 8 – O INÍCIO E REINÍCIO DE JOGO

A bola deve mover-se claramente para entrar em jogo em todo chute para reiniciar o jogo.

 

A bola poderá ser chutada em qualquer direção no pontapé inicial.

 

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: –Essa é outra contribuição nossa. A regra estava limitando a forma de jogar do jogador no pontapé inicial.

 

REGRA 10 – DETERMINANDO O RESULTADO DA PARTIDA

Um jogador temporariamente fora de campo (lesionado, por exemplo) no fim de jogo poderá participar das cobranças de pênaltis.  

 

REGRA 11 – IMPEDIMENTO

O tiro livre por impedimento é executado do local onde a infração se caracteriza, inclusive na própria metade do campo.   

 

REGRA 12 – FALTAS E INCORREÇÕES

Ofensa (infração) com contato físico contra substitutos, oficiais da equipe, árbitros, etc, passa a ser tiro livre direto.

 

Falta fora de campo como parte do jogo normal será punida com tiro livre direto, sobre a linha que delimita o campo de jogo, no ponto mais próximo da infração, tiro penal se a falta ocorrer nos limites da área penal do infrator. 

 

(no vídeo abaixo, lance de Robinho, pelo Santos, contra a Portuguesa no Paulistão 2015. Na ocasião, o atacante tentou drible passando por fora da área e foi derrubado. O árbitro deu o pênalti, mas descumpriu a regra. Hoje, sua decisão seria acertada).

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: – Essa alteração, também sugestão nossa, era necessária. A falta ocorrida fora do campo de jogo, quando jogador está disputando a bola, é punida no ponto mais próximo. Era bola ao solo. Agora é tiro livre direto. 

 

Quando um jogador impedir um gol ou uma clara oportunidade de gol da equipe adversária com falta de mão deliberada, o jogador deve ser expulso onde quer que a falta ocorra.

 

Quando um jogador cometer uma falta contra um adversário, dentro da própria área penal, que impedir um gol ou uma clara oportunidade de gol do adversário, e o árbitro conceder um tiro penal, o jogador infrator será advertido com cartão amarelo, salvo se:

 

- A falta for de segurar, puxar ou empurrar;

 

- O jogador infrator não tentar jogar a bola, ou quando não houver possibilidade de jogar a bola; ou

 

- A falta for punível só com cartão vermelho, independente da parte do campo em que ocorra (ex: falta grave, conduta violenta, etc...). 

 

(no vídeo abaixo, lance Palmeiras 2 x 2 Corinthians, pelo Brasileirão 2009. Jorge Henrique é lançado na área, sozinho, derrubado por Marcos, que é expulso. Na nova regra, o goleiro palmeirense não seria expulso).

Opinião de Manoel Serapião, ex-árbitro FIFA: – Na regra atual, quando corto uma jogada clara de gol dentro da área com falta, seria expulso. Agora eu só vou ser expulso se minha falta for nessas situações. Mas se der falta tentando disputar a bola, mesmo em situação clara e manifesta de gol, é amarelo. Essa é somente para pênaltis, situações dentro da área. Fora da área, a punição continua sendo a expulsão, porque a equipe que sofre a falta não tem o tiro penal como contrapartida.

 

(Fontes: Globo Esporte - CBF - Youtube - jornalista Daniel Mundim) web/OA

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Siga